NOTÍCIAS
Facebook Twitter
02 de Julho de 2018

BOLSISTAS DA FAPERJ SE REUNEM COM ORIENTADOR PARA DEFINIÇÃO DO SUMÁRIO DA PESQUISA E INÍCIO DA REDAÇÃO DO TEXTO

BOLSISTAS DA FAPERJ SE REUNEM COM ORIENTADOR PARA DEFINIÇÃO DO SUMÁRIO DA PESQUISA E INÍCIO DA REDAÇÃO DO TEXTOBOLSISTAS DA FAPERJ SE REUNEM COM ORIENTADOR PARA DEFINIÇÃO DO SUMÁRIO DA PESQUISA E INÍCIO DA REDAÇÃO DO TEXTOBOLSISTAS DA FAPERJ SE REUNEM COM ORIENTADOR PARA DEFINIÇÃO DO SUMÁRIO DA PESQUISA E INÍCIO DA REDAÇÃO DO TEXTO

         O professor-doutor Marcelo Lessa Bastos, coordenador do futuro programa de pós-graduação stricto sensu do UNIFLU, se reuniu na tarde da última sexta-feira, dia 29 de junho, com seus orientandos, os alunos Leonardo Duncan Azevedo e Rafaela Barbosa Silva, para definição do sumário da pesquisa aprovada no âmbito do projeto de iniciação científica da FAPERJ.

         No encontro, o professor-doutor Marcelo Lessa Bastos expôs os principais tópicos que o texto irá abordar, discorrendo sucintamente sobre eles, bem como distribuiu tarefas para os bolsistas, consistentes em pesquisa para aporte doutrinário do texto que começará a ser imediatamente minutado e revisado à cada reunião pelo professor-orientador.

         A ideia é ter o texto pronto até o final do ano, com vistas ao encaminhamento para publicação em revista científica qualificada.

         Confira, abaixo, o sumário provisório do texto a ser desenvolvido pelo grupo de pesquisa, que é o embrião do laboratório que o professor-doutor Marcelo Lessa Bastos pretende criar no âmbito do programa de Mestrado do UNIFLU, cuja expectativa é de que seja aprovado pela CAPES e se inicie ainda este ano. Com o Mestrado em andamento, o professor-doutor Marcelo Lessa Bastos pretende reunir seus bolsistas da FAPERJ e seus futuros orientandos do Mestrado e da graduação, no que será o Laboratório de Análise da Jurisprudência Criminal do Supremo Tribunal Federal, onde pretende discutir os casos criminais mais emblemáticos da corte, sempre com o olhar crítico e apontando os eventuais acertos e desacertos, as eventuais coerências e incoerências da mais alta Corte do país, publicando seus estudos e as conclusões do grupo de pesquisa nas revistas científicas qualificadas e acessíveis à comunidade jurídica em geral.

         Veja abaixo o sumário do texto piloto desse ambicioso projeto de pesquisa que será desenvolvido no UNIFLU, para gáudio da comunidade jurídica.

 

  

ACESSO RÁPIDO

++ LEIA MAIS NOTÍCIAS ++
Facebook Twitter